segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Destaques do desfile da Prada Inverno 2017

©Agência Fotosite
©AGÊNCIA FOTOSITE
1. Marinheiro só
O mood marinheiro da Prada, em conexão com o desfile masculino, com a estampa criada por Christophe Chemin
O MOOD MARINHEIRO DA PRADA, EM CONEXÃO COM O DESFILE MASCULINO, COM A ESTAMPA CRIADA POR CHRISTOPHE CHEMIN
Dando continuidade ao desfile masculino, a Prada aposta no mood marinheiro com os mesmos chapéus desfilados pelos homens em janeiro passado, na apresentação que já deu um tiragosto do que seria desfilado agora, com a entrada de algumas modelos com looks femininos. A conexão também aparece na estamparia, com parte dos prints assinados por Christophe Chemin tanto no masculino quanto no feminino. Embora o toque náutico seja marcante, ele surge como um detalhe numa coleção recheada de referências que vinham do fetiche de amarrações de corsets à austeridade militar (alemã? havia música cantada no idioma na trilha, aberta com PJ Harvey) com o glamour retrô decorativista e uma aura romântica perversa.
2. Brasileira na abertura
A brasileira Lorena Maraschi abre o desfile da Prada
A BRASILEIRA LORENA MARASCHI ABRE O DESFILE DA PRADA
Lorena Maraschi, da Way Model Management, abriu o desfile da Prada, seguida de outras conterrâneas que participaram do ótimo casting, como Isabela Ridolfi e Angélica Erthal.
3. Inspiração
A imagem postada pela Prada momentos antes do desfile, citando uma inspiração metafísica
A IMAGEM POSTADA PELA PRADA MOMENTOS ANTES DO DESFILE, CITANDO UMA INSPIRAÇÃO METAFÍSICA
“‘Premonição 4′ é uma viagem metafísica através de uma colagem onírica de paisagens que levam ao desfile da Prada para o Inverno 2016/17″, anunciou de maneira misteriosa a marca em seu instagram, citando a referência de Miuccia para criar a coleção.
4. Fetiche
O corset da Prada
O CORSET DA PRADA
O corset de algodão branco, fazendo clara referência à peça usada como roupa de baixo (menos como objeto de sedução), mas não menos fetichista, apareceu desamarrado na cintura, por cima da roupa e por baixo do cinto, e na amarração cruzada das botas de cano alto e mais curto.
5. Beleza
A beleza do desfile em Sasha Pivovarova
A BELEZA DO DESFILE EM SASHA PIVOVAROVA
A beleza assinada por Pat McGrath é limpa, com make nada e boca vermelha. A referência aos anos 20 vem no cabelo, com uma ótima releitura estranha e bonita da ondulação dos cabelos daquela época. Já a maquiagem parece remeter aos anos 40.
6. Styling
O styling decorativista de Rizzo
O STYLING DECORATIVISTA DE RIZZO
O styling precioso de Olivier Rizzo trazia tantas informações que provocava um efeito quase hipnotizante: muitas camadas em sobreposições de peças, texturas, tecidos e mesmo acessórios (mais de uma bolsa num look só) faziam com que as imagens fossem revelando diferentes informações sobre a coleção a cada nova olhada.
7. Bolsa-coleira
A bolsinha tipo coleira, pendurada no pescoço
A BOLSINHA TIPO COLEIRA, PENDURADA NO PESCOÇO
As minibolsinhas estruturadas vinham penduradas junto com outras bolsas maiores, fazendo as vezes de um porta-celular, e no momento mais curioso pendurada no pescoço, como um grande pingente de um colar com jeitão de coleira.  
8. Se now, buy now
Um dos dois modelos de bolsa vendidos logo após o desfile
UM DOS DOIS MODELOS DE BOLSA VENDIDOS LOGO APÓS O DESFILE
A Prada também entrou na onda da venda imediata de peças logo após o desfile e comercializará dois modelos de bolsas do próximo Inverno 2017 europeu no dia seguinte à apresentação (a partir de sexta, 26), nas lojas de Milão (Monte Napoleone e Galleria), Paris (Avenue Montaigne e Faubourg Saint-Honoré), Londres (Old Bond e Sloane) e NY (Brodway, Madison e 5th).
9. Sapatos
Bota com solado tratorado, uma das várias opções desfiladas pela Prada
BOTA COM SOLADO TRATORADO, UMA DAS VÁRIAS OPÇÕES DESFILADAS PELA PRADA
Oscilando entre fetichistas (botas com amarração de corset), pesados, com solado tratorado e delicados de verniz, foram muitos os sapatos apresentados na passarela, quase que para todos os gostos, numa só coleção.
10. Stella Tennant
A escocesa Stella Tennant, modelo de 45 anos, destaque do desfile
A ESCOCESA STELLA TENNANT, MODELO DE 45 ANOS, DESTAQUE DO DESFILE
Há algum tempo fora das passarelas, a modelo escocesa de 45 anos ressurgiu na Prada para incorporar a beleza da mulher forte e andrógina, numa coleção que mescla muitas referências masculinas e femininas.